fbpx
PT  |  
   (+351) 220 108 000       anje@anje.pt         

Novidades

ANJE

#businessrunners

Nibble na rubrica negócios em português da TSF

A NIBBLE em entrevista ao programa “Negócios em Português” da Rádio TSF, no passado dia 25/09/2018. A entrevista focou a participação na feira Internacional Security Essen 2018 uma das referências mundiais em Segurança e Prevenção de Incêndio! Destacando, ainda, o lançamento de novos produtos na área da Deteção de Incêndios e na área da Localização de Veículos.

Issho technology: ver e mandar fazer móveis com um clique

Imagine chegar a uma loja, configurar a sua cozinha nova e visualizar logo, numa imagem 3D computorizada, como irá ficar na sua habitação. Fica, ainda, a saber o orçamento e, se fizer a encomenda, vê as informações serem enviadas de imediato, com um click, para a fábrica, dando início ao processo de construção dos móveis personalizados que idealizou. Esta é uma das funcionalidades do ISSHO 3D, uma interface virtual que permite desenhar em três dimensões qualquer produto. O sistema foi criado pela ISSHO Technology, uma startup de Braga que chegou à fase final do Prémio Inovação NOS, e está a conquistar os produtores de mobiliário dentro e fora de Portugal.

Continente entra no mercado das entregas rápidas após fechar parceria com a Sendeat

O Continente fechou uma parceria com a SendEat para realizar entregas rápidas de produtos alimentares, higiene e limpeza do lar. O piloto está a decorrer numa loja no Porto, mas “poderá muito em breve vir a expandir-se para outras zonas do país”, adianta Pedro Santos, diretor de e-commerce Sonae MC, ao Dinheiro Vivo. Os valores cobrados variam conforme o horário de entrega, oscilando entre os 4,90 e os 7,90 euros. Com esta nova parceria promete entregas até 40 minutos.

ASM Industries constrói plataformas para parque eólico no mar de Viana

“A ASM Industries vai fornecer as duas plataformas para o novo parque eólico no mar em Viana do Castelo, o projecto Windfloat Atlântico, que é detido por um consórcio encabeçado pela EDP Renováveis. A empresa do grupo A. Silva Matos, que é a maior produtora em Portugal de torres eólicas, anunciou esta sexta-feira que deverá entregar as plataformas ao consórcio Windplus em Junho de 2019, já que está previsto que o parque eólico offshore possa iniciar a sua actividade no Verão do próximo ano.”

People for people fecha parceria estratégica com a Ancátima Softwares

“Com esta colaboração a Ancátima Softwares vai garantir uma resposta mais eficiente e eficaz a alguns mercados estratégicos do seu negócio, facilitando às PME’s nacionais o acesso àquela que foi eleita a Melhor Tecnologia de Gestão de Pessoas em Portugal em 2018 – a People For People. Esta parceria permite à People For People garantir a integração com mais duas ferramentas de gestão – Primavera BSS e PHC em acréscimo às já existentes – InnergyS, InnergyW, IptorERP, OracleERP, PowerERP 4GS, PowerERP SII e SAP, assegurando desta forma uma resposta transversal às diferentes necessidades do mercado nacional.”

Summer Session com Nuno Sebastião, CEO da Feedzai: “Quase todos os dias rejeito investidores”

“Na mesa, duas Franziskaner — a cerveja alemã que Nuno Sebastião, presidente da Feedzai, escolheu para acompanhar a entrevista que deu no terraço do Observador, na estreia da nossa rubrica: Observador Summer Sessions. Com a habitual t-shirt preta, jeans e sapatilhas, o líder da empresa mais bem posicionada para ser o próximo unicórnio (com uma avaliação superior a mil milhões de euros) português chegou com a espontaneidade e informalidade que já fazem parte da sua marca: a sorrir e a tratar as pessoas por “tu”. O conimbricense que lidera aquela que é considerada uma das 50 melhores fintech mundiais para a Forbes, que emprega cerca de 300 pessoas e que conta com 66 milhões de euros em investimento, esteve no palco da Web Summit do ano passado para apresentar o vídeo com o qual Stephen Hawking emocionou as milhares de pessoas que estavam na Altice Arena.”

Science4you atinge 3,5 milhões de euros em vendas no 1º semestre de 2018

“As exportações da empresa portuguesa representaram no último ano mais de 70% do valor total faturado pelo grupo. No primeiro semestre deste ano, as vendas para fora atingiram os 3,5 milhões de euros. As crianças na Malásia, Peru, Chile e Nova Zelândia vão agora poder brincar e aprender com a Science4you. A empresa portuguesa que desenvolve, produz e comercializa brinquedos educativos anunciou que vai passar a exportar para estes quatro novos países.”

Feedzai ajuda Credorax a combater fraude no E-commerce

“Através de uma plataforma recorrendo à Inteligência Artificial, os utilizadores podem realizar transações online de forma instantânea e mais segura. Duas empresas, cada um com a sua mais-valia, uniram-se para combater a fraude no comércio online, recorrendo à Inteligência Artificial (IA). É o caso da Feedzai, uma nacional líder na área da IA aplicada à gestão de risco financeiro, e da Credorax, tecnológica que atua como banco comercial. A arma secreta passa pela criação de uma plataforma de machine learning, concebida para ajudar os utilizadores a realizarem transações de forma mais segura.”

ASM Industries fecha acordo de 4,5 milhões de euros pata reforçar “Off Shore”

“A ASM Industries, que se define como maior fabricante português de torres eólicas, anunciou esta segunda-feira que fechou um acordo de investimento no montante de 4,5 milhões de euros para acelerar o crescimento e a presença no setor ‘offshore’. Trata-se de um investimento realizado por um investidor institucional e que equivale à aquisição de 15% da sua unidade industrial, ASM Offshore, refere a empresa em comunicado.”

Issho Technology, Meshporto e Heptasense entre os finalistas do prémio inovação NOS.

“Da tecnologia à alimentação, da banca ao turismo, saiba quais são os projetos mais inovadores dos 30 finalistas do Prémio Inovação NOS. Serão escolhidos três vencedores em cada uma das categorias: Grandes Empresas, PMEs e startups. O favorito é o projeto mais inovador, com um forte impacto económico e uma boa visão de mercado. Os finalistas da terceira edição comprovam que Portugal quer inovar, e essa resposta está a vir principalmente das startups”.