PT | EN

ANJE entrega 14º Prémio do Jovem Empreendedor

Banner_pje_13_2
A ANJE promove, no próximo dia 22 de novembro, pelas 20h00, na Alfândega do Porto, a gala de entrega do 14º Prémio do Jovem Empreendedor. A inovação tecnológica é o ponto comum entre as quatro startups que estão na corrida ao mais antigo galardão de empreendedorismo do nosso país: SensorialFIT, Shipperline, Top Research e Track Student. O projeto que mais se distinguir pela sua viabilidade e diferenciação será reconhecido com um prémio global no valor de 30 mil euros. 
 
Inserido na emergente área do vestuário tecnológico, o projeto SensorialFIT visa a criação de vestuário funcional, interativo e terapêutico. Luzes, sons, zippers, molas, aromas e muitas cores compõem as inovadoras peças de vestuário infantil propostas. São roupas funcionais, fáceis de vestir e despir, que através destes acessórios interativos visam estimular o desenvolvimento sensório-motor das crianças com necessidades especiais. Um composto de design e tecnologia, proposto pela criadora de moda Ângela Pires. Entre os inovadores processos e materiais envolvidos destaque para o recurso a têxteis inteligentes e acabamentos funcionais (como a tecnologia de microencapsulação, que inclui aromáticos, termo-cromáticos e anti-UV) ou ainda para a integração de mecanismos tecnologicamente mais avançados, como o sistema de localização por GPS ou jogos interativos de causa-efeito, com sons e LED’s. Atualmente, a SensoriaFit está a desenvolver a coleção-piloto, que servirá como prova de conceito. 
 
A Shipperline, por seu turno, apresenta ao mercado uma solução de gestão do transporte de mercadorias de modo eficiente, automático e económico, assegurando um melhor serviço e controlo dos bens. Trata-se de uma solução SaaS (Software as a Service), que opera através do sistema de cloud computing, possibilitando a gestão logística em ambiente web e mobile. Entre as principais propostas de valor destaque para o automatismo inerente a todo o workflow, com significativas poupanças ao nível do tempo de trabalho e efetivas reduções dos erros, bem como para a flexibilidade proporcionada por uma solução cloud, com acesso facilitado a partir de qualquer ponto do mundo. Ágil, dinâmico e pró-ativo, este sistema diferencia-se ainda pelas suas potencialidades em matéria de gestão da informação, não apenas na perspetiva da monitorização em tempo real, mas também na ótica de uma análise histórica e de longo prazo. 
 
App de topo e plataforma de integração profissional 
 
Cloud e mobile são conceitos similarmente inerentes ao projeto TOP Research. A startup tem por missão criar ferramentas que possam impulsionar a criatividade e a produtividade de estudantes, investigadores e demais profissionais que trabalham de forma dinâmica e em vários locais. Para tal, desenvolvem aplicações que permitem trabalhar em plenas condições, a partir de dispositivos móveis. TOP Suite é o nome dado ao composto de três apps: a Top Files, usada para gerir informação (ler, estudar, tomar notas, arquivar fontes e referências, abrir, copiar, partilhar, imprimir, sincronizar); a TOP Writer (escrever um texto académico com todas as funcionalidades exigidas ao mais alto nível, incluindo a gestão automática de bibliografia e notas de rodapé); e a TOP Presenter (que ambiciona ser a primeira app a criar uma apresentação digital de forma automática). A TOP Files foi a app de estreia da empresa portuguesa, distinguindo-se, em pouco tempo, como a mais descarregada num total de 40 países. 
 
Inicialmente vocacionada para o meio universitário e científico, a Top Research reconhece que também o contexto empresarial pode beneficiar da tecnologia que se encontra a desenvolver. Identicamente atento a estes dois universos está o projeto Track Student. A startup finalista do Prémio do Jovem Empreendedor está a trabalhar numa plataforma online que tem como principal objetivo aproximar empresas e estudantes durante o seu processo académico. A intenção é criar uma ligação direta entre o mundo universitário e o mundo empresarial, de modo a fomenter as oportunidades de interação e comunicação entre ambas as partes. Através do Track Student, as empresas poderão não só descobrir os melhores talentos académicos, de uma forma rápida e eficiente, como ir acompanhando e influenciando a performance e evolução dos alunos.
 
Prize money e acompanhamento empresarial para o vencedor
 
Será escolhido para vencedor o projeto que melhor preencha os seguintes requisitos: características empreendedoras/inovadoras; viabilidade económico-financeira; e exequibilidade financeira e operacional. Criado em 1998, com o intuito de distinguir e valorizar empresas em fase de criação e/ou expansão de negócios, o certame beneficia do apoio do IEFP e  atribui ao melhor projeto apresentado a concurso um prémio no valor global de 30 mil euros, onde se inclui um prize money de 20 mil euros, a oferta de um ano de incubação numa das infraestruturas da ANJE e ainda o acesso gratuito à formação avançada ANJE, nomeadamente a inscrição numa pós-graduação promovida pela associação. O júri poderá ainda, caso entenda ser pertinente, conceder menções honrosas a alguns concorrentes. 
 
Na primeira edição, o Prémio do Jovem Empreendedor consagrou a Critical Software, uma empresa da área das TIC com sede em Coimbra mas que, em virtude dos serviços que presta à NASA, tem também escritório em Silicon Valley, na Califórnia, EUA. Ao longo destes anos, o galardão da ANJE distinguiu ainda projetos de negócio tão inovadores como Central Casa, Stab Biotec, Crioestaminal, Biosurfit e, mais recentemente, as promissoras empresas Active Space Technologies, Master Blank, CreativeBitBox, Acellera Therapeutics, Medbone e Bn’ML
 
Espaço de encontro entre as várias gerações de empreendedores, a gala de entrega do Prémio do Jovem Empreendedor contará com a participação de 300 convidados, provenientes do meio empresarial, associativo, académico, financeiro e político. O evento inclui um jantar e alguns apontamentos de humor, protagonizados por Herman José. A apresentadora Fernanda Freitas acompanha o humorista na condução da gala, sendo que a transmissão televisiva será assegurada pelo Porto Canal. 
 
20.11.2013