PT | EN

Última chamada para o Brasil

Brasil_2

Os empresários interessados em participar na missão empresarial da ANJE ao Brasil podem ainda aproveitar as últimas oportunidades de inscrição proporcionadas pela associação. A viagem decorre de 29 de maio a 5 de junho e distingue-se pela participação na 2ª edição do Congresso do Empreendedor Lusófono, coorganizado pela ANJE. Complementarmente ao programa do congresso - que reunirá no Estado do Espírito Santo centenas de empresários dos vários países da lusofonia e não só - estão previstas reuniões e visitas empresariais no Rio de Janeiro. 

O Congresso do Empreendedor Lusófono, lançado pela ANJE em Portugal no ano transato, contará com a presença de empreendedores de mais de 22 estados brasileiros e também de países convidados, que participarão como observadores, tais como Argentina, Uruguai e Paraguai. Trata-se, pois, de uma oportunidade privilegiada para os empresários de língua portuguesa que veem no Brasil uma porta de entrada nos mercados americanos. Adicionalmente, para as empresas portuguesas esta aproximação ao tecido empresarial brasileiro e aos seus mercados vizinhos será desenhada de modo a promover Portugal como plataforma empresarial de interligação à Europa. 
 
Durante o congresso, as relações comerciais serão particularmente fomentadas na iniciativa “Meeting Empresarial”, uma reunião setorial onde cada participante previamente inscrito tem a oportunidade de fazer uma apresentação do respetivo negócio. Os setores serão organizados em dois grandes grupos, cada um deles com duas sessões de trabalho: “Serviços, Indústrias de Alimentos e Bebidas e Indústria de Vestuário” e “Indústria de Mobiliário, Indústrias de Base e Construção e Indústrias de Materiais de Construção”. Setores estes previamente selecionados de acordo com as oportunidades que representam no contexto da lusofonia.  
 
Entre as presenças confirmadas no Congresso do Empreendedor Lusófono destaque para o vice-presidente da República do Brasil, Michel Temer, e para o presidente da CNI - Confederação Nacional das Indústrias, Robson Braga de Andrade. Entre os oradores evidenciam-se, desde já, o presidente da Volvo na América Latina e o presidente da Gazin, empresa que faturou mais de 1,5 mil milhões de dólares no ano passado. A ANJE divide este ano responsabilidades de coorganização do congresso com a CONAJE - Confederação Nacional dos Jovens Empresários do Brasil, a CINDES Jovem - Centro da Indústria do Espírito Santo e a FECAJE - Federação Capixaba de Jovens Empresários, associações que aplicarão também todo o seu know-how e networking na dinamização de um programa de fomento à reflexão em torno das relações empresariais e institucionais entre empresários da CPLP, bem como de estímulo aos contactos propriamente ditos e ao desenvolvimento de novos negócios.  
 
A missão empresarial da ANJE beneficiará, pois, de toda a dinâmica decorrente do congresso lusófono e dos seus múltiplos intervenientes. Mas o roteiro dos jovens empresários não ficará por Vitória – cidade do Estado de Espírito Santo que acolhe o congresso. Terminado o certame, a comitiva segue para o Rio de Janeiro, onde terão lugar encontros institucionais e reuniões de negócios, previamente agendadas de acordo com o perfil das empresas portuguesas representadas. 
 
A missão empresarial da ANJE ao Brasil enquadra-se num plano de internacionalização voltado para os mercados de expressão portuguesa, que arrancou em abril com uma viagem a Moçambique. Depois do mercado brasileiro, será a vez da China (com destaque para a Macau enquanto mediador entre a China e os países da CPLP) e de Angola. Estas viagens acontecerão no segundo semestre, respetivamente nos meses de outubro e novembro.
 
Obtenha aqui informações adicionais. 
 
14.05.2012